A bolsa vintage perfeita pode ser um grande trunfo da moda, mas você sabe como combinar?

Bolsa de mão vintage, modelo 2018 de couro.
Bolsa de mão vintage, modelo 2018 de couro.

Quem está ligada à moda, sabe que construir um look inteligente pode dar trabalho. Não só pela construção harmônica das peças, mas é também prudente pensar na aplicação de um item com outros, para que o seu uso valha a pena com o que já existe no seu guarda-roupas. E no post de hoje, vamos falar das bolsas vintage.

Para quem está começando, é natural seguir o que a mídia e as marcas definiram como tendência, mas é bom ter um toque de realidade, para tanto se fazer uma compra consciente, quanto escolher um produto que dure e garanta que você vá usá-lo sempre.

Como a moda é cíclica, isso é um fator muito positivo, porque com aquisição de boas peças, associadas ao seu gosto e toque pessoais, você pode via a usar em outras ocasiões no futuro ou simplesmente tê-lo como herança e passar adiante na sua família, o que o tornará um item muito mais valioso, não é mesmo?

O que é considerado vintage?

Bolsas vintage voltam a ser tendência em 2019
Bolsas vintage voltam a ser tendência em 2019

Segundo Graham Werzbarger, chefe de autenticidade da TheRealReal, este é um o termo está aberto à interpretação. “Este é um debate que provavelmente nunca terá um consenso“, diz ele. “O vintage costumava ser considerado algo com mais de 30 anos de idade”.

No século 20, a moda era mais lenta, e o ciclo de tendência era de cerca de 30 anos, a partir do momento em que alguma coisa ficou fora de moda até ficar novamente em tendência. Assim, o termo vintage foi usado para diferenciar entre uma peça contemporânea e sua predecessora.

Hoje usamos o termo da mesma maneira – mas no mundo de hoje, as tendências parecem circular a cada dez a quinze anos”.

Como comprar bolsas vintage

Usar a internet para fazer as suas pesquisas já é uma ferramenta de grande ajuda. Alguns itens raro e até de colecionadores podem ser encontrados em sites de venda online. Lojas como Ebay, Mercado Livre e até no MarketPlace do Facebook.

Se você é atenta e busca por bolsas vintage de grife, a marca Louis Vuitton é um ótimo exemplo, pois algumas coleções possuem peças com colaborações de artistas e tornam-se muito colecionáveis após o seu lançamento.

Além das edições limitadas, marcas de bolsas fabricadas há muitos anos também se tornaram relíquias, como as Chanel Flap ou Hermes Evelyne.

Compras conscientes em produtos de moda ajudam no meio ambiente

Apesar da moda ser um mercado voraz de consumo e produtos novos de recorrência, o retorno de produtos e peças vintage têm trazido uma consciência de consumo maior para a nova geração.

Na moda moderna, muitos produtos eco-friendly começaram a ser produzidos pela pressão social e também por uma realidade de consumo, já que observamos o nosso planeta e é seguro dizer que os recursos são escasso.

Pela sua maior, os produtos vintage foram produzidos com couro de animais, e as peças mais antigas trazem o que os nossos antepassados diziam como “feitos para durar”. Então, a garimpagem até no guarda-roupas da sua mãe, avó e tias podem trazer pra você e para a moda esse benefício: Uma mulher por dentro das tendências e consciente do consumo.